Descubra o que é a radiofrequência e quais os benefícios que ela oferece

A radiofrequência é um procedimento que eleva entre 39ºC e 42ºC a temperatura subcutânea da região que está sendo tratada, sem causar qualquer queimadura ou dano à pele do paciente. O calor produzido pelo equipamento alcança os tecidos mais profundos, mas mantem a epiderme, superfície da pele, resfriada e protegida. Além disso, durante todo o procedimento, é possível realizar a medição da temperatura da pele. O que torna o procedimento totalmente seguro.

Como é realizada a radiofrequência

Após a definição da área que será tratada, o dermatologista ou profissional habilitado, aplica um gel de condução, ou vaselina para a área do rosto e começa então a utilizar o equipamento de radiofrequência. Este, irá realizar disparos com movimentos circulares, para que a região subcutânea possa se elevar de forma homogênea, e haja uma tripla ação: estimulo do colágeno, drenagem do tecido e reequilíbrio do tecido adiposo.

Além de ser muito utilizado em procedimentos voltados para o corpo, a radiofrequência também é recomendada para tratamentos de rugas, além de ser uma ótima alternativa para homens e mulheres que buscam tratamentos rápidos, efetivos e sem efeitos colaterais. A única região do corpo em que o aparelho não deve ser realizado, é na área da tireoide.

Em que casos a radiofrequência está indicada?

A radiofrequência apresenta excelentes resultados quando utilizada para tratar as seguintes patologias:

  • Celulite: o calor subcutâneo que a radiofrequência gera, estimula a drenagem linfática, reduz as concentrações de toxinas de células adiposas e aumenta a vascularização sanguínea;
  • Estrias – tratamento consegue recompor as fibras colágenas, melhorando a aparência das estrias, independente do estágio que elas estão;
  • Estética íntima – trata a flacidez dos grandes lábios vulvares, causando um efeito de preenchimento na região;
  • Gordura localizada – melhora da vascularização do local tratado, ativa o metabolismo enzimático e reduz o tecido adiposo (gordura).
  • Rejuvenescimento – a radiofrequência é indicada para tratar flacidez da pele, tanto corporal quanto facial. O calor do equipamento proporciona a contração das fibras colágenas e elásticas da pele, ocorrendo então a formação de um novo colágeno adicional, melhorando a tonicidade e sustentabilidade da pele.

 

Resultados da radiofrequência

Os resultados aparecem individualmente, de acordo com cada paciente e dependendo da maneira que as recomendações pós-procedimento são obedecidas. Por exemplo, se o tratamento for corporal, é fundamental que o paciente mantenha uma dieta saudável e uma rotina de exercícios físicos pós-procedimento.

A melhora da elasticidade da pele, também é um dos resultados da radiofrequência, já que o procedimento aumenta a produção do colágeno, que auxilia na sustentação da pele e evita a flacidez.

Atenção!!!

O tratamento com radiofrequência não é indicado para pessoas com:

  • excesso de sobrepeso;
  • prótese metálica na região que gostariam de realizar o procedimento;
  • hemofilia;
  • febre;
  • infecção no local que será tratado;
  • transtorno de sensibilidade;
  • marca-passo;
  • necessidade de tomar remédio anticoagulante.

Dra. Carolina Ferolla
Dermatologista CRM-SP 91139
RQE Dermatologista: 25722