Resultado ocorre porque método retarda a hipertrofia dos músculos responsáveis pela formação das rugas

A toxina Botulínica é amplamente conhecida pelo seu uso para apagar as linhas de expressão e rugas, mas a grande maioria das pessoas desconhece sua outra função, que é colaborar para retardar e controlar o envelhecimento da pele.

Quando aplicada como parte de um tratamento preventivo, a Toxina Botulínica elimina os primeiros sinais do envelhecimento, e retarda o aparecimento das rugas. Isso deve acontecer por volta dos 30 anos e de forma muito personalizada. Cada pessoa envelhece de uma maneira diferente, de acordo com um conjunto de fatores, entre eles forma de falar, sorrir e mover as sobrancelhas.

Eu faço um estudo muito detalhado da disposição dos músculos de cada paciente, nós temos em torno de 43 músculos na face, o objetivo nesse tipo de procedimento é evitar que as rugas dinâmicas (temporárias) se tornem estáticas (permanentes), o que exige ainda mais do médico, já que o local da aplicação não é tão evidente.

Os resultados são imediatos, mas pouco evidente, pois os músculos paralisados não estavam formando rugas expressivas. A grande diferença virá com o passar dos anos, o tratamento preventivo fará com que as rugas definitivas retardem uma média de cinco anos.

Isso acontece porque a Toxina Botulínica retarda a hipertrofia dos músculos responsáveis pela formação das rugas. Outro ponto relevante é o menor risco de complicações, já que a quantidade necessária para conseguir o resultado desejado será sempre muito menor em relação às pessoas que não fizeram um acompanhamento preventivo.
renatoA relação custo benefício também é outro atrativo, não é o mesmo paralisar um músculo que já está debilitado e um que está em sua forma natural, a quantidade de substância é muito menor.

Fonte: Dr. Renato Lima – Ferolla Médicos Associados
CRM: 129410